ÁGUIA OU GALINHA

ÁGUIA
eagleA águia é corajosa / Olha sempre para as alturas /
Voa muito alto / É caçadora /
Não se alimenta de nada em decomposição /
Não aceita ficar presa, está acostumada com a liberdade /
Constrói seu ninho nos penhascos /
Enxerga durante o dia e à noite /
Só aceita um macho durante toda a vida /
Morre voando.

GALINHA
A gacasal-de-galinhaslinha é medrosa /
Olha sempre para baixo /
Não voa / É caça /
Aceita comer restos e qualquer coisa /
Não se preocupa em ficar presa /
Constrói seu ninho no chão /
Enxerga somente durante o dia /
Aceita se relacionar com mais de um galo /
Morre cabisbaixa.

 

DEUS NOS CHAMA PARA SER ÁGUIA

“Foi para a liberdade que Cristo nos libertou.
Portanto, permaneçam firmes e não se deixem
submeter novamente a um jugo de escravidão”
(Gálatas 5:1).

Quando Jesus entra em nossa vida,
nós nascemos de novo (João 3:3).
E essa nova vida precisa ser
diferente em todos os sentidos.

Nascemos para voar alto e por isso não podemos
pensar da mesma forma de antes.

Deus tem um novo estilo de vida para nós
e só conseguiremos vivê-lo quando renovarmos
nossa mente de acordo com a Sua Palavra.

Só assim desfrutaremos da boa, perfeita
e agradável vontade de Deus. (Romanos 12:2)

Ao observarmos o cuidado da mãe águia com seus filhotes,
podemos entender um pouco mais de como o
Senhor cuida de seus filhotes:
A medida que os filhotes vão crescendo, a mãe águia
vai retirando do ninho as penas e o capim,
para que fiquem somente os espinhos e os gravetos.

Isso começa a trazer o desconforto, até que o filhote
não tem outra opção a não ser alçar voo.

Deus também age assim conosco!
Quando estamos bem acomodados em nosso ninho,
Ele retira as penas e o capim, deixando que os gravetos
e os espinhos nos incomodem, até que somos obrigados a voar.

Quando chega o momento em que o filhote aprender a voar,
a mãe o coloca sobre suas asas, sobe bem alto e então se inclina,
deixando-o escorregar.

E então o filhote cai em queda livre, todo atrapalhado
e certamente com muito medo. De repente,
a mãe desce em uma velocidade extremamente rápida
e posiciona-se abaixo dele, para que pouse em suas asas.
Este ritual se repete inúmeras vezes até que o filhote aprenda a voar…

Assim como a águia força seus filhotes a saírem do ninho
e estende suas asas para os protegerem da queda até que
aprendam a voar, assim também o Senhor nos chama
para sairmos da zona de conforto.

Ele quer nos ensinar a voar alto, vivendo em
completa dependência Dele.

Porém Ele sabe que levaremos um bom tempo
até que consigamos vencer os desafios, por isso
Ele fica sempre de olho em nós.

Quando começamos a cair, Ele nos abriga em Suas potentes asas.
Como é bom saber que Deus está sempre por perto para nos socorrer!
Suas asas são sempre o abrigo mais seguro
e não encontraremos descanso em nenhum outro lugar.

“Ele o cobrirá com as suas penas, e sob as suas asas você
encontrará refúgio, a fidelidade dele será o seu escudo protetor”
(Salmos 91:4).

Que possamos aceitar os desafios que Deus tem para nós,
sempre nos lembrando que não precisamos ser fortes,
capazes e cheio de habilidades.

Deus não escolhe as pessoas perfeitas.

Ele quer pessoas disponíveis, que não se conformam
com este mundo e querem sempre crescer na fé,
no amor, na pureza e atender ao Seu chamado.

Que você possa ser essa pessoa, sendo capacitada e capaz de voar!

Pr.Antonio Junior

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s