A HUMILDADE É UMA VIRTUDE

” ‘Ó ímpio e profano príncipe de Israel,
o seu dia chegou, a hora do seu castigo é agora,
assim diz o Soberano Senhor: Tire o turbante
e a coroa. Não será como antes:
Os humildes serão exaltados,
e os exaltados serão humilhados.”
Ezequiel 21:25,26

 

A humildade é uma virtude maravilhosa
que Deus dá aos seus filhos e que Jesus
exemplificou na Sua vida sobre a terra.

Tantas vezes, no Seu ministério, Ele podia manifestar
o Seu infinito poder, mas ficou calado,
como ovelha muda que vai para o matadouro.

Ele podia aniquilar com um só olhar, puro e santo,
aqueles saduceus orgulhosos ou aqueles escribas que
a si mesmo se julgavam sábios, mas replicou-lhes
com a Sua simplicidade e pureza: –

Daí a César o que é de César e a Deus o que é de Deus.
No céu não se casam, nem se dão em casamento.
Amarás ao Senhor, teu Deus, de todo o teu coração,
de toda a tua alma e de todo o teu entendimento,
não esquecendo o teu próximo, que deves amar como a ti mesmo.

Que sabedoria tão grande! Que humildade tão sublime!
Isto mesmo foi demonstrado durante o Seu julgamento
e condenação injustos.

Ele poderia orar ao Pai e doze legiões de anjos seriam,
enviados para O livrarem e tomarem em suas mãos,
mas Ele humilhou-Se até à morte e morte de cruz.

Agora, somos exortados por Pedro para que nos humilhemos
debaixo da portentosa mão de Deus, sofrendo com paciência
as injustas acusações do mundo, para que Ele,
a Seu tempo, nos exalte.

Ele não se esquecerá de nós nas nossas angústias,
até porque Ele mesmo passou pelo mesmo caminho de tormento.

Ainda temos o privilégio de lançar sobre Ele todas
as nossas ansiedades, na certeza de Ele cuidará de nós.

Conta-se que em certo rebanho de cabras havia
uma muito rebelde, que andava sempre tresmalhada
e não obedecia ao seu pastor, como as outras.

Um dia a “cabrinha malhada” espetou uma pedra aguda
entre as unhas de uma pata dianteira.
Quando se sentiu cheia de dores e incapaz de fazer
as suas saídas orgulhosas, veio para junto do pastor
para ele se aperceber do seu problema.

O dono do rebanho, vendo a doçura com que o animal
seguia ao seu lado, tocou-lhe meigamente,
tomou a sua pata dianteira e arrancou
a pedra do problema, e logo a cabrinha andou bem.

Deve ser assim conosco. Temos problemas? Cheguemo-nos,
humildemente, a Jesus, contemos-Lhe o que nos aflige,
tenhamos a humildade de pedir ajuda e Ele,
que tudo pode e sabe, logo nos ajudará

Luz diária

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s